Tipos de grama mais comum no Brasil

O Brasil, devido ao seu tamanho continental, possui diferentes climas variando entre úmidos e secos, e com isso não é qualquer tipo de grama que pode ser utilizado em qualquer situação.

Apresentamos abaixo as principais espécies de grama utilizadas nos jardins brasileiros:

Grama esmeralda: A grama esmeralda é uma das mais utilizadas nos jardins brasileiros e caracteriza-se pelas folhas finas e estreitas. Ela é indicada em regiões com clima mais quente, pois tem boa tolerância ao sol e à seca e não precisa de muita água para se desenvolver. Além disso, seu crescimento também é lento, o que facilita a manutenção, já que as podas podem ser menos frequentes, em geral uma vez ao mês.

É uma grama relativamente resistente ao pisoteio e pode inclusive ser plantada em solos mais pobres. A versatilidade também é uma característica dessa grama, que pode ser aproveitada em gramados esportivos, jardins residenciais e áreas públicas.

Grama bermudas: A grama bermudas é outra variedade comum no país, muito indicada para campos de futebol, golfe e polo. Isso porque a espécie é altamente resistente ao pisoteio, o que torna excelente a sua tolerância ao uso. Esse tipo de grama tem folhas estreitas e exige mais cuidados na manutenção, pois precisa ser adubada pelo menos duas vezes ao ano.

A Grama Bermuda é um tipo de gramínea cultivada em pastos, fenações, na formação de gramados e em barrancos para a cobertura do solo. Como todo tipo de grama tem suas vantagens e desvantagens, na Grama Bermuda o sombreamento pode ser um grande vilão. A espécie fica muito suscetível à sombra, enfraquece e pode ter problemas de crescimento. Como vantagem tem o rápido crescimento e a capacidade de recuperação.

Grama São Carlos: A grama São Carlos é outra espécie comum no Brasil. Suas folhas são largas, o que promove uma boa cobertura do espaço e é ideal para grandes ambientes. Esse tipo de grama não exige muita manutenção em relação à fertilização, pois tem baixa exigência nutricional. No entanto, ela tem crescimento rápido e o indicado é que seja podada a cada dez dias.

Diferente das gramíneas que demandam muita luz e água para se desenvolverem, há espécies que conseguem se adaptar bem a áreas sombreadas. A Grama São Carlos é uma delas. A espécie também é conhecida como grama curitibana, grama-tapete ou grama de folha larga. É uma grama que resiste melhor ao frio. Uma de suas principais características é a tolerância à meia sombra e ao sol pleno. Exige poucas podas, pois seu crescimento é lento.

Grama Santo Agostinho: Outra variedade comum no Brasil, principalmente em regiões litorâneas, é a grama Santo Agostinho, também conhecida como grama inglesa. Essa espécie tem folhas largas, tonalidade levemente azul e é muito indicada para casas de praia, já que tem boa tolerância à salinidade presente no solo. Além disso, tem boa resistência ao frio, à seca e à sombra.

POSTS RELACIONADOS

Siga nossas redes sociais

A OLEO MAC é a mais nova unidade do Grupo EMAK.

Rod. Anhanguera Km 307 + 950mts, Cond. CBP Ribeirão Preto, Galpão 1 – Parque dos Lagos – Ribeirão Preto/SP – CEP: 14093-500
 55 (16) 3600 9900
Todos os Direitos Reservados © 2021 | OLEO MAC.
Precisa de ajuda? Fale conosco